quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

Can You Be Mine. (Fourteenth)

  14º  Capitulo

Para minha sorte, as festas de fim de ano foram como queria que fossem, nas atuais circunstâncias.
  Não recebi a visita da minha vó (graças à Deus) e nem de ninguém. No natal estava no hospital com minha mãe e na virada de ano também. Na verdade passei a semana inteira no hospital. Agatha vi somente algumas vezes e não vi Luke nem Ian durante esse tempo todo.
  Minha mãe não deu sinal de melhora.

_________

  Agora estou em casa outra vez, acabo de acordar e estou tomando café e me preparando pra ir pro hospital, então a campainha toca e Agatha entra.
 -Oi -cumprimentei ela.
 -Oi.
  Ela se senta a mesa e toma café comigo. Ficamos em silêncio até que ela diz:
 -Eu disse pro Ian que eu te beijei.
  Ergo os olhos
 -Porque?
 -Ele havia me perguntado se eu já fiz alguma coisa estranha e então eu disse isso. Foi estranho.
 -Eu sei -eu ri. -E o que ele disse?
  Ela finge uma voz grossa enquanto diz:
 -"Acho muito sexy garotas que beijam outras garotas"
 -Ele disse isso? -mordo o pão- Ele é doido -rimos.
 -Sim ele disse, e disse que quando você parar de ir no hosp... -ela se calou. -Deixa pra lá.
 -Quando eu parar de ir no hospital? O que vai acontecer?
 -Não, deixa. Você não vai parar e não é nenhum problema. É sua mãe.
 -Agatha, nós duas sabemos que eu vou parar de ir pro hospital. O que vai rolar quando eu parar?
 -Porque você ficou assim, Margie? Você sempre foi tão extrovertida. Quando chegou aqui entendi que estava acanhada por ser nova, mas de lá pra cá mudou tudo, você fala com bastante gente, ta até fumando e me fez fumar também. Eu gosto, você gosta. Isso nos corroê por dentro, mas você se corroê de maneira muito pior que o cigarro. Você fica dizendo que sua mãe vai morrer, fica dizendo que vai parar de um jeito ou de outro de ir no hospital. E depois você fica largada pelos cantos da casa sem querer falar com ninguém com uma garrafa de alguma coisa. E sabe quem mais sai corroído na história? Luke. O Luke também tem se corroído, porque ele nunca sabe quando você vai querer falar com ele. Ele gosta de você mas não sabe se você gosta dele.
 -Foi ele quem te disse isso?
 -Não, eu acho que ele gosta de você. E o Ian também acha.
 -Então pronto, ele não precisa saber o que eu sinto por ele, porque eu também não sei o que ele sente por mim.
 -Tem razão.
 -Então, me diga, o que é que vai acontecer quando eu parar de frequentar o hospital?
 -Eu também não sei. -Ela disse e riu.
 -O que? Como assim? Ele não te disse? Espera aí. Vocês estão namorando?
 -An? O que? De forma alguma, ai meu Deus, Margo que coisa doida. De onde tirou isso?
 -AHAAAAA!! VOCÊ FICOU VERMELHA!!! VOCÊS ESTÃO JUNTOS!!! -Subi na cadeira. -AGATHA E IAN JUNTOS MINHA GENTE!!!!
 -MARGO!! DESSE DAÍ DESGRAÇADA! EU NÃO TO COM NINGUÉM NÃO!!! Nós somos apenas.. Bons amigos.
 -Bons amigos é!? Só isso?
 -Sim, já beijei ele.
 -Bons amigos não se beijam.
 -Então o que nós somos?
 -Nós somos BOAS AMIGAS!!
 -Qual a diferença?
 -Eu não tenho um pinto.
 -Boa.

  Depois de muito insistir na relação "Agathian", desisto. Vamos para meu quarto. Vou tomar banho enquanto Agatha me espera no quarto.
  Saio após uns 10 minutos, os cabelos molhados, já vestida.

Olá vocês que lêem minha historinha, perdoem-me por não ter postado nada antes e postar agora só o cap 14. Eu estava viajando e estava sem internet :( Mas, está aí. E essa semana ainda, farei o cap 15. Aproveitando a deixa, gostaria que me dissessem o que estão achando, só pra eu ter uma ideia. Ah, e pra acabar, eu não achei uma foto melhor, procurei bastante, mas não achei nada.